Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Coração de Isca: o mais novo lançamento de Bruno e Marrone

Vamos falar sobre a mais nova regravação de Bruno e Marrone, “Coração de Isca” que está “Pokando” em nossa programação.

Essa é uma daquelas músicas que fazem as pessoas uivarem.

Nesta versão interpretada pela dupla, o ritmo da “bachata” é muito bem explorado no refrão e dá o “tchã” que faltava no som.

Dê o play na música, sente-se e fique confortável, coloque seus fones de ouvido e venha comigo nessa viagem.

 A letra  conta a história de uma pessoa que se iludiu.

Mas não bastasse a sofrência, o personagem relembra a todo o momento o que passou e joga na cara da pessoa amada tudo o que ela fez.

“Aquele eu te amo parecia ser verdade, hein
Aquele abraço apertado, suspiro forçado então era saudade de alguém
Tinha que ser logo eu
A pessoa que mais te entendeu
Quando cê largou dele sofreu
Quem fez curativo em você fui eu”

E ele não para.

O sujeito está tão indignado, que logo após a introdução da história se pergunta: “logo eu que você escolheu para cair na sua armadilha?”

Agora vamos nos colocar no lugar do nosso amigo?

Pela história, o rapaz se apaixona por uma mulher e eles viveram um certo tempo juntos. E então, do nada (que não é tão do nada assim), ela volta com o ex e deixa nosso amigo.

Como ele deve ter se sentido com isso? Confuso? Perdido? Indignado? Pois é.

Se tivesse acontecido com você, o Bruno e Marrone ou eu, todos nós também ficaríamos assim.

Voltando… no refrão, nosso amigo compara o que viveu com um roteiro de filme no qual ele, o iludido, foi apenas um dublê. E pela narrativa, ele foi mesmo. Apenas uma isca em um plano já traçado.

“Cê fez meu coração de isca
Tinha um plano em vista
Fiz a ponte pra ele voltar
Eu só fiz o amor dele aumentar
Cê fez meu coração de isca
Tinha um plano em vista
E no filme dele e você
Eu só fiz o papel de dublê
Vai o Oscar de melhor atriz pra você”

Como você pode ler, ele joga a culpa toda para a mulher que supostamente teria voltado com o ex. Eu entendo ele e entendo ela. Mas quando uma pessoa não quer mais, vai fazer o que? É bola para frente e vida que segue. Foi um problema a mulher usar alguém (de acordo com a música) para ser uma ponte ou ainda, um quebra galho enquanto o ex dela não voltava? Sim. Mas esse é um problema somente dela. Não adianta fazer algo para mudar essa situação, pois não vai mudar. O nosso amigo da música não tem de ficar remoendo isso. Ele não teve culpa da situação, mas agora ele é responsável pela atitude que vai tomar daqui para frente.

E aí? Seguir a vida e encontrar alguém que realmente nos valorize? Ou permanecer cabisbaixo enquanto a vida passa?

“Coração de Isca” foi feita por Diego Ferrari, Ray Antônio, Everton Matos, Guilherme Ferraz, Sando Neto e Paulo Pires. Ela foi gravada primeiramente pela dupla Diego e Ray, também compositores da moda.

Deixe seu comentário: